Pesquisar este blog

domingo, 29 de março de 2009

Guardados

A verdade, depois de um tempo, aparece. Se revela. Às vezes fica esquecida num canto, um fundo qualquer de baú, debaixo de muita poeira. E alguém sempre assopra.

A verdade é uma amiga perversa. Está sempre certa. Às vezes se disfarça e espreita. Nem sempre é o atalho mas, ao contrário do crime, compensa.

A verdade é uma atleta, forte e vencedora. Mesmo quando perde permanece soberana e... Soberba. Aliás, é irmã da honra, do fio de bigode, do caráter e da vergonha na cara. É irmã da coragem...

A verdade é sempre completa, mesmo desconhecida ou apócrifa; às vezes está exilada, mas volta por cima, altiva. De quando em quando a verdade é herdeira da mentira.

A verdade é exata, matemática. Regida pelos astros, regular como as marés. A verdade está nas estrelas, no dia claro, nos temporais e na floresta.

Mas a verdade também é urbana, é filosófica e profunda. Nada mais humano do que uma boa verdade.

[Adhemar - São Paulo, 26/06/2006]

2 comentários:

shintoni disse...

Adhemar:
Valeu ter deixado este texto no Duelos! É muito bom! Como sempre são seus textos!
Já está postado!
Valeu mesmo!
Abração e ótima semana pra você!

Adh2bs disse...

Comentários no outro blog:

Comentário por Manhosa — domingo, 29 de março de 2009 (17:49:57)
Venho sempre espiar… mas… ando brigando com as palavras… estou treinando… risos… não opinar…
Mas… me furtas desta é impossível… “ela sempre é a vencedora… deve se manter soberba e altiva… e unida as suas irmãs… Hora e coragem…”
Foste perfeito como sempre… Mestre…
Bjs.

Comentário por Ylago — domingo, 29 de março de 2009 (20:14:50)
Mas bah vivente!
Respondendo a pergunta que deixastes no meu blog: Daqui do sul, podemos até ter candidatos de renome, inclusive os que citastes, entretando, tu lembras qual foi o último presidente gaúcho? Me referia que faz um tempo que não vejo gaúcho por lá…
Não quero orgulhar-me de meu estado, mas o único presidente que chegou a ficar 18 anos mandando naquela bodega foi gaúcho!!! E foi Getúlio… Quem sabe! Talvez saia outro por estas bandas.
E comentando o post, “a verdade é bem mais forte”, é o que diz Duka Leindecker…
Parabéns novamente!
Tu também te movimentas com extrema naturalidade neste mundo das palavras… Aliás, dança sobre elas!
Abraço!