Pesquisar este blog

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

BENS

Por vezes é preciso analisar cuidadosamente o tempo disponível e gastá-lo todo num planejamento meticuloso do que poderia ser feito por ele mesmo - durante esse próprio tempo - sem maiores elucubrações. Depois, sair correndo atrasado, pois o planejamento do tempo gastou o tempo antes livre. Acumularam-se tarefas por fazer, acumularam-se atrasos. Tornou-se essencial resistir às provocações que serão outras atividades criadas, surgidas do nada e para nada destinadas.

Tal como um passatempo, passar a vida rogando por mais tempo e por mais tempo a fim de que seja o bem mais precioso e mais empobrecedor da nossa existência. Rezar com fervor para não sermos cobrados pelo tempo que desempregamos. Até nos despedirmos, como faço agora, pois estou sem tempo pra continuar esta lengalenga "destemperada"...

[Adhemar - Santo André, 15/01/2007]

E por falar em tempo...

Um afetuoso abraço e um terno beijo à minha madrinha, mãe de minha mãe, a Vó Júlia. Completa hoje 95 anos de existência, quase toda ela voltada para a família: além dos próprios pais, irmãos e irmãs, o Vô, as 5 filhas, 12 netos, 13 bisnetos e uma tataraneta! Incontáveis amigos e admiradores. Será que contei direito? Hoje, o fã clube vai se reunir em torno dela (uma de suas maiores alegrias). Até já, Vó!

Adhemar, 02/11/2009.

Um comentário:

Adh2bs disse...

Comentário por Selma Barcellos — quarta-feira, 4 de novembro de 2009 (18:34:29)
Quando ele passa bonito assim como o da vó… é uma bênção, não? Tempo é isso: ora algoz, ora redentor.
Sugestão: conte como foi a festa, gerações reunidas… Adoro.
Beijocas.

Comentário por Tatiana — sábado, 7 de novembro de 2009 (18:11:55)
“Passatempo” é uma palavra fadada à extinção.
Beijos,
Tati.

Comentário por Manhosa — domingo, 8 de novembro de 2009 (16:36:53)
Querido Amigo do Coração
Não sei o porque… mas….meus recados não são aceitos… dá erro….
tentando mais uma vez…
Tempo… falta quando se esta feliz…
Sobram… na tristeza…
Bjs