terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Deslocamento

Interdependência de movimento.
Sincronização à gosto.
Passos combinados.
Rumos definidos, metros contados.
Ação conjunta no momento.

Um abraço - interdependência de ação.
Movimento simetricamente oposto
em mútua direção.
Resultado de certo afeto
ou de falsa afetação,
representando energia,
carregando baterias de longa duração.

Diferentes pontos ocupados
- ao longo do tempo -
improvisação.
Os trajetos em mapas errados
pedem outra marcação.

Nem bagagem, nem transporte,
nem companhia ou alimento.
Interdependência da sorte,
da carona em caminhão,
indo de encontro ao destino;
ou dele mesmo fugindo
rumo aos futuros possíveis
ou pra onde eles estão...

[Adhemar - Ibiúna, 27/10/2009]

Desencontramento!

E mais um dezembro apressado me atropela; mudou o computador de casa, mudaram os do escritório... Daí o mês fica meio banguela. Mas logo virá a saudação tradicional que todo ano me prometo deixar pra mais cedo e todo ano fica pro em cima da hora! Abraço,

Adhemar - 23/12/2009.

Um comentário:

Adh2bs disse...

Comment by Selma Barcellos — Wednesday, 23 de December de 2009 (15:47:32)
Oieeeee! Bora rumo aos futuros possíveis? Já é. Beijocas minhas, poeta.

Comment by Tatiana — Thursday, 24 de December de 2009 (10:00:07)
Taí algo que eu nunca tinha pensado. O abraço talvez seja o único caso em que movimentos opostos e contrários dão certo... Bom Natal pra você e um Ano Novo de muitas felicidades, saúde e dinheiro no bolso!