sexta-feira, 30 de abril de 2010

DEMOCRACIA COSMOPOLITA


Ainda bem que perguntei por cachaça;
se digo pinga eram capazes de me linchar.
Afino os ouvidos,
há uma Babel a me cercar.

Infindáveis portões de saída,
creio que vão me deportar.
Mas quando chegar ao destino
precisamos ver se me deixam entrar...

Tento apreciar a sonoridade
dos outros idiomas que consigo escutar.
Existe uma intrínseca beleza
nos outros modos naturais de falar.

Até que a comunicação se estabelece
nessa língua universal e espetacular,
originada na necessidade de contato
e que é - simplesmente - gesticular!

[Adhemar - Guarulhos, 08/04/2010]

adh2bs)
Gran Café de Gijón - Madrid (foto: adh2bs)

Nenhum comentário: