Pesquisar este blog

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Bagagem


A gente vê claramente
a alegria importante;
todas as curvas à frente,
o caminheiro, o viandante.

A gente sente o momento:
de andar, de sorrir, de cantar
e absorver alimento
através do que observar.

A gente vai acompnhado:
por nossos filhos ausentes
(em pensamentos presentes),
pela amada ou amado
e por Deus, principalmente.

[Adhemar - Zaragoza, 11/04/2010]

Estação ferroviária de Zaragoza (foto: SM)
Estação ferroviária de Zaragoza (foto: SM)

Um comentário:

Adh2bs disse...

Comment by José Cláudio (Cacá) — Saturday, 15 de May de 2010 (17:34:17)
Para a contemplação não há coisa melhor do que caminhar. A tecnogia, a mãe da preguiça, nos faz perder momentos de encantamento , tudo para chegarmos rápido. Abraço grande. Paz e bem.

Comment by Gaby — Tuesday, 18 de May de 2010 (14:51:19)
obrigado por ter passado no meu blog e esses ultimos dias tive decisões dificies para tomar!!! Tô feliz pela sua viagem sabe as vezes temos que jogar tudo pro alto e ser feliz o carro vc compra outro mais as lembranças de uma viagem inesquecivel está e para contar até para os neto né... lembraças recordações e que nos mantem nesta jornada.. felicidades ...

Comment by Selma Barcellos — Tuesday, 18 de May de 2010 (19:25:19)
Nosso baú de memórias gera poemas assim... Vive-se o momento e depois o eternizamos em versos. Belos versos. Adhemar, que maravilha de construção! Que teto! Beijocas.