Pesquisar este blog

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Costa da França


O enamorado se levanta,
bate palmas, elogia e canta.
E não cansa.
Em torno da amada ele dança.

O enamorado se emociona;
ele engasga, ele chora,
não desiste, não vai embora,
incentiva e impulsiona.

O enamorado dá o braço,
pega a mão e dá um beijo,
dá outro beijo e o coração.

O enamorado dá um abraço
de efeito benfazejo
destacado da paixão.

P/ SM
[Adhemar - Algum lugar sobre o Mediterrâneo, costa francesa,
13/04/2010]

Circulação e pavilhões Fieramilano, Milão (foto:SM)
Circulação e pavilhões Fieramilano, Milão (foto:SM)

3 comentários:

C@urosa disse...

Meu caro poeta Adhemar, costa da França, um bom lugar para os enamorados, belos e sensíveis como sempre os seus poemas.Parabéns.

Forte abraço

C@urosa

busquesantidade disse...

Muito bom este texto! E creio que isto seja assim mesmo. Que bom que você vive assim com sua esposa: enamorados sempre. É belo e tão raro de se ver isto. Parabéns a ambos e forte abraço fraterno. Lourdes Dias.

Adh2bs disse...

Comment by José Cláudio (Cacá) — Tuesday, 1 de June de 2010 (06:28:18)
Rapaz, esse seu tour europeu foi uma belezura e tanto! Abraço grande. Paz e bem.

Comment by Selma Barcellos — Saturday, 5 de June de 2010 (21:20:21)
Foi uma belezura mesmo! E o poeta voltou demais! Esse poema é uma coreografia! Dancei... Beijocas!