Pesquisar este blog

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

COMPORTAMENTO ARTIFICIAL

Sapato social, terno e gravata,
uma elegância desconfortável
com seus ares de bravata;
longe do ideal mas aceitável.

Pose, uísque e coisa e tal;
falar bobagens com elegância,
manter a mística normal
de falsidade e arrogância.

Mais uísque, desinibição geral,
desconhecidos viram velhos amigos.
Mulheres descalças, risos do pessoal,
assuntos variados, casos antigos.

Festa clichê, comportamento previsível.
Gente que não entende o que a vida ensina.
Riso fácil, predeterminado como se incrível,
até que enfim, caírem todos na piscina...

[Adhemar - São Paulo, 16/10/2010]

Um comentário:

C@urosa disse...

Olá meu caro poeta Adhemar, para muitos o comportamento principal, falta-lhes vida espiritual,intelectual...falta...

forte abraço,

C@urosa