quinta-feira, 11 de setembro de 2014

IRIDESCÊNCIA

Sabe,
cheguei de novo tão tarde,
vazio, refletido.
Uma vontade de viajar…
Viajar como no sonho:
a teu lado,
pra Cuba, pra Ilhéus ou sei lá…
Voando acima das nuvens,
de olhos fechados,
com tua mão nas mãos.
Inspirar a infinita benção de Deus,
de estar vivo, te amar,
de querer viver sempre mais:
mais perto das pessoas queridas,
cumprindo ideais
- nem sei quais -
mas alegrando corações cada vez mais;
e a cada boa coisa realizada
ter o teu sorriso e o teu consentimento.
E saber.
Saber o imenso mistério da vida,
beijando a estrela mais linda
e tendo sua luz pra seguir.
E o caminho, cada vez maior,
mais bonito,
mais gostoso,
infinito.
Partir num raio de luz,
ir até o lugar desconhecido
que irradia toda a luz.
Ser um pequeno facho,
vagar no espaço
até te encontrar.
Derramado sobre ti,
no teu rosto iluminar os teus olhos,
realçar teu sorriso e morar
sempre nesse ar que cerca o teu ser.
Se alguém perguntar pra quê,
não sei dizer;
é bom ser respirado por ti,
quem sabe no teu coração indo ficar…
Mas, antes de entrar,
interrogar o céu.
Qual mensagem o céu quer me mandar?
Quer?
Imagino o outro lado da cidade.
Imagino o céu de lá.
Sei que é o mesmo céu daqui,
a nos cobrir e nos abençoar.
Fixo os olhos numa estrela tímida, escondida.
É ela a que mais vai brilhar,
derramando sua luz sobre o outro lado da cidade.
E você, sem saber,
banhada pela luz do meu olhar
vai se lembrar.
Vai se lembrar que em um ponto indefinido da cidade
há alguém,
dono de uma estrela
que, por menor que seja te ilumina,
te acompanha e te sorri.
PBSF
[Adhemar - São Paulo, 29-30/08/1987]

2 comentários:

Adh2bs disse...

Comentário por Hellinho Ferreira — quarta-feira, 29 de outubro de 2008 (01:27:58)
Saudações mestre…
Muito bom seu texto, como sempre (uma declaração este). Viva, viva o amor!!!
Uma ótima quarta…
Fik com Deus

Comentário por caurosa — quarta-feira, 29 de outubro de 2008 (10:31:32)
Meu cara Adhemar, a luminosidade do amor flui sempre e com profundidade da alma do poeta e brilha eternamente, graças a Deus.Paz e harmonia para você.
Forte abraço.
CAUROSA - caurosa.wordpress.com

Adh2bs disse...

Publicado originalmente com o título IridIscência, que está errado. Então, nunca é tarde, corrigido hoje!
Adhemar