Pesquisar este blog

terça-feira, 2 de setembro de 2014

VONTADES

"Eu queria querer", como Caetano,
"Eu queria ser poeta", como Benito.
Eu queria ser bonito.
Eu queria ser como o Chico.´
Às vezes eu quero também
um retorno estratégico.
Eu queria ser neném,
ou então, um anestésico…
O que a gente não faz,
não é mesmo, pra arrumar uma rima?
Até querer ‘tanto faz
como tanto fez’ aí em cima…
Mas talvez eu não queira
aquilo que ainda não sei.
Quero aprender besteira
e quero-não-quero talvez…
Neste ponto da minha vida,
neste ponto deste ‘carnaval’
quero apenas fechar estes versos
pondo neles um ponto final.
[Adhemar - S. Paulo, 25/06/2000]
Vontade
A primeira estrofe contém um trecho de frase da música de Caetano Veloso, Quereres e outra de Benito de Paula: eu queria ser poeta, além de brasileiro, pra poder cantar o Rio, nosso Rio de Janeiro… Quanto ao Chico Buarque de Hollanda,só um testemunho da admiração que tenho por um dos maiores e mais habilidosos compositores brasileiros.
Adhemar, 22/05/2008.

Nenhum comentário: