terça-feira, 2 de maio de 2017

"PROMOTIVOS"

Cá entre nós
vida e exercício
o cadafalso e o algoz
a tortura e o suplício...

Qual o próximo será
deveras seriamente
procurando aonde estará
futuramente...?

E mais não seja 
além do que já é
na palavra onde deseja
um café...

Solta no ar a pluma
em bolhas de sabão
de tanta espuma
e contramão...

No sentido inverso
de fé há uma prova:
existe o universo
e a trova...

Princípio e fim
na decadência
então assim
inconsciência...

Linha de base
linha de fundo
fim da frase
fim do mundo...

O principal aviso
não é último nem segundo
multipartes, indiviso
e... fecundo...

Cá entre nós
exercício curto
ânimo feroz
um anti-surto...


[Adhemar - São Paulo, 03/04/2014]

Um comentário:

KBÇAPOETA disse...

Mas pode ser angustiante. Gostei do poema.